Sunday, November 11, 2012

Conversas de adro

Entrei numa igreja onde tocava um quinteto de metais. No fim da missa, toda a gente sai para o adro: gente fardada e armada (mulheres e homens, espadas e espingardas - ou afins, que não distingo miudezas...) gente vestida com roupas tradicionais, cortejo de trajes diversos, mulheres de mantilha. Lá fora, há muito discurso, tiros para o ar, e apertos de mão. Entre o inglês da pessoa que me explicou e o meu alemão, saiu isto:
- amanha e dia de Martins, padroeiro dos canhões
- fazem isto para ajudar os pobres
- o komander e o Obama de Salzburg (mas não da Áustria, que tem outro Obama)
- as senhoras de mantilha são espanholas, que aqui também há
- o senhor das barbas e tio dele

Hum.

No comments:

Post a Comment

Post a Comment